A Reneto

Diretorias

A RENETO visa dar forma e mobilidade institucional às ideias e propostas produzidas no movimento em prol do ensino e da produção de conhecimento em terapia ocupacional em todo Brasil. Suas diretorias vêm sendo eleitas nos Encontros Nacionais de Docentes. Clique nos botões a direita para ver o quadro de diretoria atual e das gestões anteriores.

Histórico

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa em Terapia Ocupacional – RENETO foi fundada politicamente como uma rede virtual, sob uma Coordenação Colegiada, na Plenária Final do VII Encontro Nacional de Docentes de Terapia Ocupacional, realizado em Salvador (BA), em 2000. Desde o ano de 1986 são realizados, a cada dois anos, encontros nacionais de docentes em terapia ocupacional que promovem a discussão coletiva, em nível nacional, sobre a formação profissional e a produção de conhecimento no seu âmbito. Fruto da organização dos docentes da área, a RENETO pretendeu aglutinar os debates em torno do ensino e da pesquisa em terapia ocupacional no Brasil, em um momento de importantes mudanças no que se refere à regulamentação do ensino superior em nosso país. Sua formalização jurídica como uma entidade de âmbito nacional de caráter associativo e educacional se deu em 2005, com os objetivos de desenvolver e aprimorar o ensino e o conhecimento em terapia ocupacional, podendo congregar associados individuais e institucionais.

Composição da Reneto

A RENETO é constituída por associados institucionais e associados individuais.

Os associados institucionais da RENETO podem ser:

I. Os cursos de terapia ocupacional de Instituição de Ensino Superior (IES), havendo tantos associados institucionais quanto os cursos de terapia ocupacional existentes nas IES;

II. Os programas de pós-graduação lato e stricto sensu em terapia ocupacional ou de áreas relacionadas, havendo tantos associados institucionais quanto os programas de pós-graduação existentes.

III. A Executiva Nacional de Estudantes de Terapia Ocupacional ou entidade de representação nacional de estudantes de terapia ocupacional, que lhe seja equivalente.

IV. A Associação Nacional de Estudantes de Pós-Graduação de Terapia Ocupacional ou entidade de representação nacional, que lhe seja equivalente.